English
What Judges look for? (3'Ts + PD)

Judging Jack and Jill competitions is a skill that needs to be developed to ensure judging is done accurately, consistently, and fairly.

Judging is never intended to punish a competitor for weaker skills. Rather, the spirit is to recognize competence in the different categories explained in this training, for the purpose of supporting and growing a strong, healthy Zouk community.

With this in mind, the Brazilian Zouk Dance Council recognizes five distinct areas for judging. These include the Three T’s, plus a few additional categories. The Three T’s are:

  1. Timing (20%);
  2. Technique (40%); and,
  3. Teamwork (20%).

In addition, judges will also consider:

  1. Presentation (10%); and,
  2. Difficulty (10%).

 

Timing includes:

  • Dancing on-time
  • Musicality
  • Musical interpretation (how the dancer hears and applies the song)

Beyond the basic 20% of the score allotted for timing, BZDC recognizes that timing also affects the judging of all other categories. Therefore, judges might also be lowering scores for technique, teamwork, difficulty, and showmanship when elements in those categories are not danced on time.

 

Dancing on-time:

Brazilian Zouk can be danced to any 4/4 time signature music. The pulse is on the downbeat (1, 3, 5, 7), when counting the 8 beats in 2 measures (dancers count). BZDC competitors must accent the downbeat (Lamba timing is not permitted, and constitutes an error in timing). However, competitors are permitted to dance Lamba movements as long as they have the pulse on the downbeat.

 

Musicality:

Musicality includes phrasing, measuring movements, and the appropriate use of breaks. This category moves beyond basic on-time dancing, and includes syncopations, speed changes, and strategically using movements to “hit” or demonstrate certain elements of the music.

 

Musical Interpretation;

Musical interpretation is how the dancer hears the song. BZDC recognizes that every dancer hears music differently, and therefore does not judge competitors down for having a different interpretation of the music, provided that the competitor is on time and displaying appropriate musicality.

 

Technique (Execution):

Competitors begin the dance with a 0% score for technique. Judges add to the score as the competitors display appropriate technique. Keep in mind that poor teamwork and timing should reduce the amount of credit given for technique, as this is considered improper technique.

Technique can be divided into two types: Individual and Partnership.

 

Teamwork (connection):

Competitors begin the dance with 20% score for Teamwork. Connection is judged the same way at all levels. Teamwork is divided into three components:

  1. Partnership technique (Partner centering | connection | lead/follow)
  2. Partner communication (Compatible musical interpretation | partner awareness)
  3. Partner compatibility (Compatible musical interpretation | adjusting personal styles to compliment the partnership | adjusting to a partner’s limitations or strengths)

 

Difficulty:

Competitors begin the dance with 0% score for difficulty. Difficulty refers to the level of technical or musical difficulty in the dance.

Judges will give credit to the added level of difficulty when competitors dance wearing high heels. Judges will deduct points if the use of high heels impact the competitor technique, timing, and/or teamwork.

 

Presentation (Showmanship)

Presentation is a competitor’s ability to entertain, excite, and inspire an audience. Competitors begin the dance with a 0% score for presentation.

Presentation will be judge on the following criteria:

  1. Polish (The “Look”)
  2. Entertainment Value
  3. Stage Orientation and Floorcraft
Basic elements and Zouk content

In judging Individual and Partnership technique, judges will make sure that the concepts are applied to Brazilian Zouk technique. For example, competitors should demonstrate:

  1. Brazilian Zouk foundational movements, including Basic, Lateral, Simple turns, Soltinho, Lunges, Elastic with contraction, Bonus or boomerang, and Io – Io(and variations on these basics, according to level).
  2. Proper use of head movements and cambres (according to competitor’s level)
  3. Proper use of body waves, isolations, and other body manipulations (according to competitor’s level)
  4. Proper use of pre-movement and preparations (according to competitor’s level).

 

In assessing all categories, judges will judge whether a competitor does the following:

  1. Uses variety and contrast:
  2. Variety of variations, patterns, or aesthetics
  3. Variety of accepted rhythms and syncopations, including contrast of smooth and sharp or fast to slow.
  4. Creates a strong opening and ending
  5. A definitive start and a strong finish to the dance. Need not be a travelling or complex entrance or exit. The start and end of the dance should fit the music (for example, sharp or smooth; still or travelling)
  6. Maintains continuity (Harmonious flow from one pattern to another)
  7. Uses Brazilian Zouk movements

Judges are able to differentiate between Zouk and other dances, as well as a various accepted styles of Zouk.

  1. All styles of Zouk are accepted (for example, Neo, Flow, Tradicional, Lamba), as long as they are danced with the accepted timing outlined above.
Please read the rules, policies and guide to competitors bellow
Portugues
O que os Jurados estão analisando? Os 3 ``Ts + AD``
CRITÉRIO TEMPO (20%):

Tempo, como uma categoria de julgamento, é definido como a relação entre os dançarinos e a música. Tempo inclui:

  • Dançar no tempo
  • Musicalidade
  • Interpretação musical (como os dançarinos escutam e interpretam a música)

Dançarinos começam a competição com o total de 20% dos pontos para tempo.

Além do total de pontos de 20% para tempo, BZDC reconhece que a categoria tempo também influencia todas as outras categorias de julgamento. Por isso, os juízes podem reduzir a pontuação relacionada a técnica, trabalho em equipe, dificuldade e apresentação, quando atributos destas categorias não foram dançados no tempo correto.

Essa abordagem é discutida em cada tópico de avaliação.

 

DANÇANDO NO TEMPO

O zouk brasileiro pode ser dançado em qualquer música com tempo 4/4. A pulsação é na batida (1, 3, 5, 7), se contamos 8 batidas, temos 2 medidas de tempo (contagem dos dançarinos).

Competidores do BZWC devem realçar a batida (não é permitido o tempo da lambada, o que caracteriza um erro de tempo). No entanto, aos competidores é permitido dançar movimentos de Lambada desde que mantenham a pulsação na batida.

TÉCNICA (40%):

Os competidores começam a dança com 0% da pontuação de técnica. Os jurados darão nota aos competidores que demonstrem técnicas apropriadas. Tenha em mente que um trabalho em equipe e um tempo ruim podem reduzir o crédito dado para técnica, já que são considerados como técnica inadequada.

A técnica pode ser dividida em dois tipos: individual e trabalho em equipe.

 

Técnica individual

A técnica individual é como o competidor usa seu próprio corpo. Ela inclui:

  1. Trabalho com os pés (como o competidos posiciona e utiliza seus pés)
  2. Linha do corpo (como o competidor se posiciona e controla sua mão e seu pé livres)
  3. Postura (como o competidor fica e porta seu corpo)
  4. Equilibrio (se o competidor se mantém estável, incluindo o momento de entrada, meio e saída do salao/palco)
  5. Qualidade do movimento (movimento corporal dentro dos movimentos de Zouk)
  6. Habilidade de dança no tempo

 

Técnica em casal

  1. Centralização (habilidade de não tirar o balanço do parceiro)
  2. Liderar/ Seguir (a ação e reação entre os parceiros de criar uma fluidez de Zouk e dançar no tempo)
  3. Linguagem corporal para liderar/seguir (habilidade do condutor de usar seu corpo para liderar, e habilidade do conduzidos de se expressar com seu corpo enquanto é conduzido, tudo isso sem quebrar a conexão)
TRABALHO EM CASAL (conexão 20%):

Os competidores começam com uma pontuação de 20% de trabalho em equipe. Essa conexão será julgada seguindo os mesmos critérios em todos os níveis.

O trabalho em equipe é dividido entre três componentes:

  1. Técnica da parceria
  2. Comunicação entre o casal (interpretação musical compatível/ consciência quanto ao parceiro)
  3. Compatibilidade entre os parceiros (Interpretação musical compatível/ ajustes de estilos pessoais para completar o parceiro/ ajuste às limitações ou aos pontos fortes do parceiro)
CONTEÚDO DO ZOUK BRASILEIRO
  1. Movimentos fundamentais de Zouk Brasileiro, incluindo Básico, Lateral, Giro Simples, Soltinho, Lunges, Elástico com Contração, Bônus ou Boomerang e lo-lo (e variações dentro desses movimentos, de acordo com o nível)
  2. Uso correto dos movimentos de cabeça e Cambres (de acordo com o nível do competidor)
  3. Uso correto das ondas corporais, isoladas e outras manipulações corporais (de acordo com o nível do competidor)
  4. Uso correto de pré-movimento e preparações (de acordo com o nível do competidor)
  5. Uso correto de caminhadas e giros, inclusive giros no eixo horizontais e verticais (de acordo com o nível do competidor)
DIFICULDADE (10%):

Os competidores começam com 0% de pontuação por dificuldade. Dificuldade refere-se ao nível técnico ou à dificuldade musical na dança. Movimentos avançados, de contrapeso, piruetas contínuas e piruetas com um perna só com ou sem movimentos de cabeça, aumentam o nível de dificuldade na dança. Todos os níveis são julgados segundo os mesmos critérios de dificuldade.

APRESENTAÇÃO E ETIQUETA DE DANÇA (10%):
  • Quão profissional e educado o casal se apresenta
  • Como eles se apresentam para o público e como capturam sua atenção
  • Competidores devem demonstrar etiqueta/ educação durante a competição e evitar desconcentrar ou distrair os demais durante as apresentações de competidores

 

Uso de sapatos de dança ou que nao seja de dança, éobrigatório.